24.9.11

Só pra dizer: Eu te amo


Minha vó tem jeito de sol. Tem jeitinhos de cuidar da gente mesmo depois de grande. Tem olhos delicados e mãos cheias de ternura, prontas pra espalhar sementes de bondade, carinho e gratidão.

Em cada canto da casa, uma saudade. Um álbum de fotografias com cheiro do tempo, mas cheio de imagens que sorriem sozinhas. Um aniversariante com dedo no bolo. Um ataque de formigas ninjas. O cheirinho de feijão cozido no fogão a lenha. O cafezinho das 3 da tarde. As abelhas zunindo ao pé do ouvido. O vô que chega e descalça os sapatos. A mãe que chega ralhando porque ficou tarde. As pazes com o irmão depois de um dia inteirinho de brigas. A orquestra de grilos. A ave-maria das 6 da tarde. Dona Rosa no portão. O Banzé que repousa num sono eterno. O jardim carregado de primaveras e onze horas. Os primos chegando pra brincar. O bolo saindo do forno.

Em cada canto da casa, um riso.
Em cada riso, uma vontade de eternidade.

Minha avó é mestra na arte de cuidar. Na arte de perdoar também. Coração grandão ela tem, mas que anda fraquejando com a força do tempo.

Vó, deixo aqui minha eterna gratidão. Obrigada pelos dias mais felizes da minha vida. Se eu pudesse escolher, um único dia, pra voltar no tempo, eu escolheria cem vezes, o dia em que você me acolheu em seus braços e me fez cafuné depois de uma surra. Fiquei morando pra sempre ali. Eu, uma menina assustada, no colo da vó.

Vó que faz poesia com a vida. Faz feijão e arroz virar alegria. Faz a infância da gente um lugar bom pra se morar. Faz de todo fardo um aprendizado e das coisinhas miúdas, a coisa mais importante do mundo.

Ela, o tempo todo, me falou de amor. Eu, o tempo inteiro, parei pra ouvir.

11 comentários:

  1. Dizem que avó é mãe com açúcar! E eu acredito, viu? Por causa dela, minha infância foi tão doce.

    (Texto lindo. Encheu meu coração de saudade boa)

    ResponderExcluir
  2. "Faz a infância da gente um lugar bom pra se morar."

    É assim mesmo né!!?
    Que lindeza, menina Cris :)

    Um beijo*

    ResponderExcluir
  3. Ainda sou nova ( vou fazer 50 anos no dia 25 de outubro), mas já deixei de ser neta e filha de alguém já faz tempo, mas hoje, sou a avó mais coruja do mundo...Tento passar essa coisa mágica, que recebi...É a melhor coisa do mundo! Parabéns pelo belo texto!

    ResponderExcluir
  4. E lendo este texto, só posso imaginar que vc é bem parecida com a sua avó!
    Coração enorme.

    Beijos =*

    ResponderExcluir
  5. Não sei quem é mais linda, quem falou de amor ou quem parou pra ouvir. Lindas, Lindas e Lindas!
    Cris, você absorveu tão bem o amor de todas as horas da sua vó, que seu amor chegou aqui, e transbordou pelos meus olhos.

    Obrigada, querida, pelo amor dividido conosco.

    ResponderExcluir
  6. Que texto lindo, fiquei emocionada! Obrigada Cris por compartilhar essas experiências únicas com a gente! =)

    ResponderExcluir
  7. Eu tive uma avó assim - a que me dedicou a educação de uam infância inteira, mas deixou-me quando eu tinha dez anos. Eternamente serei grata. Muito aprendi com ela.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  8. Psiiu, tem selo comemorativo aos 200 seguidores do blog hehe :D
    se quiser pegar ;)
    tá prontinho, na página de selos.
    beijosmil ;*
    http://o-que-ninguem-ve.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Eu não consegui não postar esse texto no meu blog. Exatamente isso que gostaria de escrever para minha. Me trouxe muitas lembranças e lagrimas, lindo texto!

    ResponderExcluir
  10. Boa noite!

    Vim aqui hoje pra dizer que meu blog mudou. Tive que fazer uma outra conta porque a minha antiga deu problemas com invasão de vírus. Aconteceu comigo e vários outros blogs.

    Entao venho te convidar a seguir meu novo cantinho, o www.queiratocaroceu.blogspot.com

    Estarei colocando posts do outro e mais novos também. Fiz também uma página do meu blog no Facebook,caso vocÊ tenha Facebook, você além de seguir meu blog, pode também curtir a página na caixinha do lado direito do blog.

    Bom, é isso. Vou ficar super contente em te ver meu novo cantinho, então, não deixa de passar lá, ta?!

    Beijos e boa semana!

    Luciana Mira

    ResponderExcluir
  11. uma sequência de arrepios ao ler isso aqui. Lindo não é a palavra, vai além. Palavras cheia de emoção e realidade que me tocaram e muito. Parabéns.

    ResponderExcluir

'Que seja doce o que vier. Pra você, pra mim.'